26.7.07

Tom Sawyer


Ontem na Kate&Sawyer a Sheila comentou que algumas alterações feitas em The Brig referentes ao nome da mãe de Sawyer e de sua cidade natal poderiam ter sido propositais para que ficasse ainda mais evidente a ligação do nosso Sawyer com um outro Sawyer que não é Anthony Cooper, pai de Locke.

Desde o primeiro episódio de Lost uma coisa me chamou a atenção no loirão falador do seriado: o nome Sawyer.

Como uma grande fã de estórias de aventura, cresci familiarizada com personagens como Tom Sawyer, o esperto e arteiro personagem do escritor americano Samuel Clemens, mais conhecido como Mark Twain.

Tom Sawyer é um jovem orfão que mora com sua tia Polly em St. Petersburg, Missouri e vive se metendo em encrencas e aventuras junto com o amigo Huckleberry Finn.

Tom é um bem humorado mestre em escapulidas e um grande enganador, assim como nosso James "Sawyer" Ford que leva a vida dando golpes.

Uma cena clássica é quando Tom precisa pintar uma cerca de branco mas não está com a menor vontade de fazê-lo.

Ele começa a pintar a cerca e falar que está se divertido demais com o serviço. Logo as outras crianças se manifestam querendo se divertir também.

Assim, ele passa o serviço para as crianças e fica só assistindo o seu serviço ser feito pelos outros.



Quando não está se metendo em encrencas, Tom está tentando se aproximar de sua paixão, Becky Thatcher.

Becky, filha do juiz Tatcher, também gosta de Tom mas fica enfurecida ao descobrir que antes dela, Tom já havia estado 'compromissado' com Amy Lawrence. Porém eles fazem as pazes no fim do livro.
.
Aqui creio que podemos fazer uma comparação com Kate, pois de certa forma tanto ela quanto Becky são filhas de 'homens da lei' que se apaixonaram por rapazes 'mulherengos'

Tom Sawyer aparece em três livros de Mark Twain, além de o seu As Aventuras de Tom Sawyer: As Viagens de Tom Sawyer, Tom Sawyer Detetive e As Aventuras de Huckleberry Finn.

Desses livros, o mais famoso é As Aventuras de Huckleberry Finn.

Nesse livro, Huck Finn vive grandes aventuras junto com seu amigo, um escravo fugido chamado Jim, em uma jangada pelo rio Mississippi.

Alguém pensou em Exodus? Sawyer, Michael, Walt e Jin em uma jangada?

Após a primeira aventura no livro de Tom Sawyer, o jovem Huck Finn é colocado aos cuidados da viúva Douglas e sua filha Miss Watson que tentaram 'civiliza-lo'. Porém Huck acaba fugindo por se sentir preso com a vida civilizada.

Huck acaba sendo pego por seu pai, um sujeito descuidado e bêbado que o leva para viver numa cabana na floresta, mas Huck também não se acostuma com a vida não-civilizada e foge em direção ao rio Mississippi, dessa vez fingindo sua própria morte.

Quando está escondido em uma ilhota, Huck conhece Jim, o escravo de Miss Watson e os dois começam uma viagem através do rio Mississippi em uma jangada.

Uma das aventuras em que se metem é na briga entre duas familias: os Grangerfords e os Sheperdsons.

* Coincidência curiosa: Grangerfords e Sheperdsons ;)


Durante a viagem, Huck e Jim encontram todo o tipo de pessoas: assassinos, ladrões, vigaristas, gente boa, hipócritas...

Da mesma forma, na ilha de Lost existem também todos esses tipos de pessoas (e muitas mais).

Outro tema comum tanto nas Aventuras de Huck Finn como em Lost é a relação familiar. Huck cruza diversas vezes com famílias que querem adotá-lo, fora o fato de ter fugido de seu pai abusivo.

Uma das coisas que torna Tom Sawyer e Huck Finn personagens tão famosos e seus livros obras-primas é a forma satirizada como Mark Twain descreve a sociedade de sua época e a forma detalhada como ele descreve a região sul dos Estados Unidos.



Filmes:

- Tom e Huck - Em busca do grande tesouro (1995)
com Jonathan Taylor Thomas como Tom e
Brad Renfro como Huck
com Elijah Wood como Huck

3 comentários:

CaroL_ disse...

Quando eu vi o comentário da Sheila na comuna também fiquei pensando nas semelhanças.

A que eu mais achei interessante foi: Grangerfords e Sheperdsons!

Adorei seu texto !

Anônimo disse...

Sheperdsons e Grangefords é o máximo! ^^

E concordo que Sawyer está cada vez mais aproximado do Deep South e tb acho que as mudanças foram pra deixar isso ainda mais claro.

Agora me deu a maior vontade de ler As Aventuras de Tom Sawyer.

Ótimo texto como sempre, Leanna.


Aninha

Culpada! Como qualquer mortal... disse...

eu aidna axo esquisito a mudança dos nomes, se eles queriam fazer isso, deviam ter pensado logo no começo, não se pode chamar alguém de Brooke e depois mudar pra Mary como se nada fosse, ah naum ser que eles digam q era Brooke Mary ou vice-versa, continuarei matutando esses detalhes ahauaha

Sobre Tom Sawyer eu não conhecia, mas vi o filme sobre Huck Finn na quarta serie do primario eheuehe

bjokas leanna
otimo texto ^^