23.5.09

Em tempo algum teve um tranquilo curso o verdadeiro amor

Ok, indo direto ao ponto: Suliet começou, terminou e eu ainda não entendi como as pessoas compram tão rápido uma idéia por mais WTF que seja, principalmente em Lost. Gostar de Sawyer&Juliet é normal mas daí se esquecer de todas as 4 temporadas passadas e achar que os dois viveriam felizes pra sempre já é um pouco ilusório pois a ênfase da série sempre foi em Kate&Sawyer, coisa comprovada em WHH quando deixaram claro que Kate se manteve apegada à memória de Sawyer nos 3 anos que passou fora da ilha. 

A situação de Juliet-Sawyer-Kate-Jack na verdade é pra lá de clichê nas histórias de romance e por isso mesmo bastaria ter alguma intimidade com romances (desde os clássicos de Shakespeare aos baratinhos de banca de jornal) pra perceber logo de cara o destino de Suliet. 

É curioso como ninguém imaginou q Juliet fosse morrer por amor tendo o nome que tem, tendo uma história parecida com a de sua xará Julieta, se apaixonando por um inimigo (ou ninguém mais se lembra que no começo da série Losties e Outros eram inimigos mortais?) e tendo D&C dito varias vezes que os nomes não são dados por acaso. A questão é que eu sempre achei que ela morreria pelo Jack e não pelo Sawyer, mas a ordem dos tratores não altera o viaduto, certo? *lol* 

E já que estamos falando de Shakespeare, vale lembrar as desventuras de um dos seus quadrados amorosos mais famosos: Lisandro, Demetrio, Helena e Hermia de Sonho de Uma Noite de Verão. Hermia amava Lisandro mas era prometida de Demetrio por quem Helena era apaixonada. Sabendo dos planos de fuga de Hermia e Lisandro, Helena avisa Demetrio acreditando que assim ganharia a sua afeição como agradecimento mas Demetrio sai a procura dos dois amantes fujões e Helena o segue devotadamente. Em determinado momento Oberon, rei das fadas, vendo Demetrio tratar mal Helena ordena a uma de suas fadinhas que coloque uma poção do amor nos olhos de Demetrio para que ele se apaixone por Helena mas a fadinha se confunde e coloca a poção nos olhos de Lisandro que se apaixona por Helena. Oberon, irado com o erro da fadinha, enfeitiça Demetrio e assim os dois homens passam a brigar pelo amor de Helena ao invés do amor de Hermia. Depois de muita confusão o feitiço é retirado de Lisandro que volta para Hermia, mas não é tirado de Demetrio para que ele possa corresponder ao amor de Helena. 

Essa peça é uma comedia, mas prova como quadrados amorosos não são invenção exclusiva de Lost e apesar de complicados não são tão difíceis de prever o final. Outro exemplo ainda de Shakespeare é a também comédia Noite de Reis, com o quadrado Olívia-Sebastian-Orsino-Viola.   

Voltando à Romeu&Julieta, ops, Sawyer&Juliet: com ela tendo um passado tão infeliz em relação ao amor (Burke, Goodwing, Ben, Jack), sabendo que ele no fundo nunca havia esquecido um certo amor do passado (Kate, não Cassy!) e não tendo uma função tão importante na série quanto os Losties originais –alias vocês notaram como todo mundo tá morrendo pra sobrarem só os personagens da 1ª temporada?- era difícil de imaginar que Juliet fosse sobreviver. Eu preferiria que ela voltasse pra sua irmã e seu sobrinho mas lá no fundo sempre tive essa impressão de que a sina dela seria morrer por amor. 

É claro que D&C queriam que as pessoas comprassem Suliet como um bom casal, só que um bom casal estilo os casais de FBs que tiveram uma grande importância na vida dos personagens mas não tiveram happy ending, como Sayid&Nadia, Locke&Helen, Jack&Sarah... e ironicamente Suliet foi mesmo um casal de FB já que estavam nos anos 70 e agora a turma vai voltar pro anos 2000.

4 comentários:

Leds disse...

Texto muuuuuuito bom, Leanna! Parabéns! Vc tem uma cultura impressionante! Citando Shakespeare, mostra sua diversidade de leitura e seu conhecimento sobre romances!

Deia disse...

Texto perfeito ♡

Culpada! Como qualquer mortal... disse...

lindoo texto Leanna

mas eu nunca comprei jate, muito menos Suliet, que sempre achei certinho demais, logo era visto que não ia dar em nada, lost está muito previsivel até agora

só espero que continue assim hehehehe

Cristiane disse...

Olha que irônico, vc é uma fã de Sawyer/Kate, só que descobri o seu blog em um vídeo sobre Juliet/Sawyer. Nem imaginava que era em português. Foi o nome que eu achei original. E obviamente não esperava que fosse um blog sobre Sawyer/Kate.

Enfim, gostei muito do seu texto. Mas entendo as pessoas ficarem fascinadas com Sawyer e Juliet.

. Primeiro a Kate sempre demonstrou apoiar muito mais o Jack, estar sempre com ele. Na terceira temporada ela usou o Sawyer por causa de ciúmes do Jack. Dormiu com o Sawyer pela primeira vez pois estava desesperada. O próprio Sawyer reconheceu isso. A Kate não falou nada. Eu sinceramente acho que ela ama os dois e sempre vai amar os dois. Acho que ela nem vai escolher. O destino decidirá por ela. Sendo assim, a Kate tendo essa certa "preferência" pelo Jack. Então é óbvio que as pessoas vão querer ver o Sawyer com uma mulher que deseje somente ele e que o faça feliz.

Segundo, a Jules é inteligente, sarcástica, linda, badass. Os dois formam uma bela parceria estratégica. Eles se complementam.

. Terceiro, a relação entre os dois é simples. Eles são simples. Se entendem facilmente. Além de ser uma relação madura, mas próxima da realidade de muitos fãs da série.

. Quarto, a relação dos dois é/foi muito bem escrita.

Acho que por isso muita gente se apaixonou de vez pelo casal.

Eu particularmente, amo muito a Juliet. Melhor personagem de todos os tempos. Então, gostei um pouco dessa relação. Se ela está feliz, eu estou.

Espero muito que ela esteja viva. Há possibilidades e eu tenho que ter esperanças.

Como disse, acho que o destino decide pela Kate. Provavelmente Jack morrerá e vai ser o grande herói e creio que a Kate acabará sendo EVA e Sawyer será ADÃO.

Enfim, só queria tentar explicar pq as pessoas parecem ter gostado muito de Juliet e Sawyer.

Sei lá se fui muito clara. Mas tentei.

A única coisa que me irrita em Sawyer e Kate é o fato da Juliet ter "morrido" para os dois terminarem juntos. Isso estraga tudo. Tomara que a Juliet esteja viva.

Abraços.